Não entendeu?

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Por te amar...

Eu continuo a correr
posso as vezes me cansar
mas continuo a correr,
continuo a procurar...

E eu continuo a cantar
posso talvez fraquejar
mas continuo a cantar
pra você...

E insisto em te encontrar
posso até me perder
mas preciso de você
pra não sofrer...

E continuo a escrever
posso até me arrepender
mas continuo a rimar...

... por te amar...


Guilherme Marcus Moreira

quinta-feira, 14 de julho de 2011

O medo...

...

Quanto tempo perdi por medo...
Quantas pessoas perdi por medo...
Quantas coisas perdi por medo...

...

Quantos medos vieram a se realizar…
… por medo.

Se for assim…
Quero ter medo da Felicidade...



por: Letícia Moreira

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Prisão

Acorda em uma cela,
a sombra das grades em seus olhos,
a tristeza do cômodo
alucina toda sua mente

Houve um tempo de grande lamúria,
hoje já está acostumado...
Há passos do lado de fora!

Isso nunca havia acontecido,
será que não está só?
Alguém aparece d'outro lado da grade
e o livra dessa prisão

Agora no mundo de fora,
a luz quase o cega!
A partir dali se prenderá à vida.
 

© 2011 Hermit Modern |