Não entendeu?

domingo, 22 de maio de 2011

"à primeira... e última vista..."

Foi em uma noite fria,
na fila do cinema...
era clima de alegria,
parecia não haver problema...

Mas a vida tem seu mistério...
tal qual o destino leva a sério,
torturando os corações
e turbinando as emoções...

e não há nada como aquilo,
não tem como descrever
o olhar de uma menina
e o jeito, seu lindo jeito de ser...

Foi em uma noite fria
que nossas vidas se esbarraram...
e como sendo algo único,
os olhares se encontraram...

Foi amor à primeira vista...
melhor... foi amor à única vista...
à primeira... e última vista...

Nunca mais se encontrarão nossos destinos,
nem nunca nos veremos novamente,
mas o brilho daquele olhar
ficará comigo... guardado fundo em minha mente...

(...)

E assim termina a história
de um amor puramente acidental,
que começa com o acaso de um encontro
e que tem seu feliz começo em seu triste final...

(...) a vida continua...


Guilherme Marcus Moreira

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Uma Noite Mágica em Um Lugar Qualquer...

Céu azul escuro, algumas nuvens abafando o brilho da maioria das estrelas...

(Frio...)

Aquela sensação de tudo e ao mesmo tempo de nada...
O mundo girando, sensação de estar caindo...
Medo, coragem, saudade...

Surrealismo existencial, uma utopia de jovens sonhadores... nostálgicos...
Buscando por algo que a muito já se foi, tentando reviver aquele sentimento de amizade a muito esquecido...
Fazendo fluir de novo a felicidade em um coração partido...
Criando novos padrões de mundo...
novas possibilidades...


(...)


... e ao fechar os olhos, vê-se um mundo de fantasia, um mundo existente apenas na mente...
um mundo melhor, um mundo onde a magia é possível...
onde as noites são mágicas e as amizades verdadeiras...
Um mundo onde amores platônicos são reais...
e o impossível, enfim possível...
onde os corações não doem e as preocupações da vida se extinguem...

(...)

... vê-se um mundo diferente, onde as cores são mais vivas, e o frio da noite acomoda as almas nos corpos...
onde a presença da verdadeira amizade conforta e concerta os corações destruídos pelo tal amor...
e aquela sensação de nostalgia... aquele medo de dormir, e, ao acordar, tudo ter sido apenas mais um sonho bom...


...


Um mundo tão frágil que num mero abrir dos olhos deixa de existir...

(...) e em seu lugar vê-se os problemas da vida, a poluição, a dor... o sofrimento, as preocupações retornam à mente, deixando-a conturbada, fazendo a felicidade dos minutos anteriores, simplesmente deixar de existir...
Um mundo em que o bom da vida, é sonhar com uma outra realidade...

Nada mais que uma utopia...   uma linda e mágica utopia...

...   de Uma Noite Mágica em Um Lugar Qualquer...


Guilherme Marcus Moreira
 

© 2011 Hermit Modern |